Tag: Fé

Fome

 Um certo dia
Um coitado
 
Pobre, mendigo, molhado
 
Escreveu...
 
-Que Venha O Que Há De Vir
 
-Que Seja O Que Há De Ser
 
-Que Fiquemos Em Paz
 
E Deus Abençoou...
 
O que tivera de vir...
Veio
 
O que tivera de ser...
Foi
 
E A Paz...
 
Um Gole de Água...
Com Sabor de Fé
 
O Levou Ao Céu.
 

Bons Amigos

 Bons Amigos
não caem do céu
 
Bons Amigos
são as nossas estrelas...
 
Brilham para nós
mesmo quando não estamos olhando
 
São os mensageiros
que nos chamam pelo nome...
quando nós
nem lembramos de nós mesmos
 
São quem somos
 
São a extensão de nossa alma...
um pedaço de nós que está no outro
mas que no fundo...
Somos nós mesmos
 
São um universo
em constante construção...
que se constrói...
à parte de todos os outros
 
Em realidades paralelas...
diversas
antigas, contínuas...
novas e duais
 
São
a principal fonte de amor
que recebemos fora de casa
 
São a nossa casa
Fora de casa
 
Bons Amigos
 
não há
idade,
número,
ocasião,
espaço
ou lugar
 
Que continuemos sendo
Bons Amigos
 
e que viremos a unir
mais a nossa causa...
 
que é a Amizade
como um Talento de Deus.
 
 
 
 

Fé em Você

 Fugir Ao Controle
O Poder de Respirar...
 
Nossa Vela Acesa
Esperando, Em Esperança,
 
Deus A Apagar
 
A Humanidade Oculta Em Nossas Mães
 
Mães Ocultas
Oram Por Nós
 
Não
 
Não Nos Sentiremos
Mais...
A Sós
 
Oraremos Por Nossas Mães
Pediremos Por Elas...
 
Como Elas...
Pediram Por Nós
 
Para Que A Chama Oculta
 
Seja Esperança
 
E A Vela...
 
Não Se Apague.

Fé e Amizade

 
Jesus Deu O Exemplo
E Do Corpo...
Pão Se Fez
 
Em Morte
Vida Nasce
 
O Pão É A Fé
 
A Levamos Conosco...
 
Levamos...
Os Dias
 
Seja Sol, Seja Chuva
Tal O Amor De Maria...
 
Se Tem Pão De Dia
A Noite Tem Lua
 
Ao Complemento Do Homem
Há A Mulher
Ao Do Pão
Há A Manteiga
Ao Da Verdade
Existe A Fé
Olhem...
O Significado Da Santa Ceia
 
É Bem Fácil Falar Do Outro
 
Difícil Falar...
Dos Homens
 
Falemos...
Do Pão
 
A Faca É Sua Irmã
O Joio,
Seu Inimigo
 
Mas...
Como Todos Somos Filhos De Deus!
 
Por Que Não Sermos Todos...
 
Amigos.
 

Enquanto/Agora

                          
E Agora O Que Eu Faço?
 
Repare Em Minha Voz
Repare Em Meus Traços
 
Alguns São Negros
Outros...
Esbranquiçados
 
Reluze Em Mim Uma Luz
Ela Vem De Cima
 
Completa Meus Espaços... Em Branco...
Deixando...
Alguns Tons
 
De Cinza
 
Digo, Ainda,
Não Há Apoio...
Para Meus Pés
 
Sinto-Me À Deriva
 
Quando Em Vez
Me Falta Fé
 
Não Sei O Que Faço
 
Com Minha Vida.